Atenção na Contrapartida do Projeto

A Contrapartida tem causado a desclassificação de muitos bons projetos. Os proponentes confundem Contrapartida com a propaganda da marca do patrocinador, pensando que estão fazendo um favor àquele que deu o dinheiro. Vamos esclarecer as coisas: o patrocinador põe fé na proposta apresentada liberando recursos para a realização do projeto. O mínimo que o proponente deve fazer para agradecer é divulgar a marca. Sendo assim, é dever do proponente divulgar a marca do patrocinador; este tem o direito de ter sua marca difundida em todo material de comunicação, seja em web sites, impressos, entrevistas, camisetas, etc.

Como vimos, a publicidade da marca patrocinadora faz parte do projeto, independente do proponente querer ou não.

Os 10% de ingressos, o silkscreen nas camisetas, a personalização de blocos, canetas, pastas, crachás, folhetos, cartazes, etc. Nada disso é Contrapartida.

O que seria a Contrapartida, então?

Numa conceituação meio grosseira, pode-se dizer que é tudo que ‘alivia’ a carga do patrocinador, provocando a diminuição no valor total necessário à realização do projeto.

Numa conceituação mais técnica,seria parcela de recursos próprios que o conveniente aplica na execução do Objeto de convênio .

Ex. 1- Se você possui recursos Materiais que podem ser disponibilizados para o projeto, tente realizar um inventário e precifique estes itens e acrescente-os (o valor) ao subitem “Recursos materiais “ ao item “Contrapartida do Proponente” na planilha;

Ex.2- Caso sua organização possua pessoas habilitadas, acadêmicos, profissionais, que ache necessários para  a execução , tente precificar “O Valor de Mercado” destes profissionais e acrescente ) ao sub-item “Recursos Humanos “ ao item “Contrapartida do Proponente” na planilha;

Ex. 3- (Por último e não menos importante, caso você tenha, em caixa, uma determinada quantia e queira “doar” ao projeto, acrescente ) ao subitem “Recursos Financeiros “ ao item “Contrapartida do Proponente” na planilha; isso dará garantia de que a Entidade também   está investindo na sua própria iniciativa após isso  diminua do valor total do projeto.

EXEMPLO:  Se o projeto  estiver com o valor Global de R$ 100.000,00 e você “orçou” sua contrapartida em R$ 9.980,00  você deverá explicitar isso de forma que ficará assim:

1-CONTRAPARTIDA

1.1 : Recursos humanos R$ 2.880,00

1,2 : Recursos Materiais R$ 5.000,00

1.3 : Recursos Financeiros R$ 2.000,00

1.4 Total da contrapartida : R$ 9.980,00

Sendo assim valor Total do projeto: R$ 100.000,00

Valor total a ser solicitado(pleiteado ): R$ 90.020,00

(valor total, menos contrapartida)

 Esse será o valor que você irá “aliviar” do patrocinador ou financiador.